Arquivo da categoria: Textos de Carmélia Cândida

Antônia Luzia

Esta galeria contém 1 foto.

Era Antônia Luzia Lavava, passava Cozinhava, limpava Acordava antes de todos Para preparar o café O dia todo Corria pra lá e pra cá Os filhos estudavam Não podiam “ajudar” O marido era daqueles “Serviço de casa, Coisa de mulher” … Continuar lendo

Galeria | Marcado com , | Deixe um comentário

Guardados queridos

Eu adorava Legião  Urbana. E continuo adorando.   E o que é melhor, acho que hoje me identifico ainda mais com as letras. Me tocam demais. Lembro direitinho da primeira vez que ouvi Legião. Foi a música “Quase sem querer”.  Eu era … Continuar lendo

Galeria | Marcado com , | Deixe um comentário

Eu queria muito – Carmélia Cândida

Esta galeria contém 1 foto.

Eu queria muito ser o cachorro da minha casa. Primeiro, tenho que dizer que sou doida com ele. Todo o mundo, lá em casa, é. Ele é tão fofinho, tão lindo, carinhoso e alegre. Quando eu não tenho nada pra fazer, eu costumo ficar imaginando as coisas, é gostoso porque, no meu pensamento, elas acontecem do jeitinho que eu quero, e eu me sinto muito bem. Continuar lendo

Galeria | 5 Comentários

Assombro – Carmélia Cândida

Ando assustada Com o mundo Desassossegados Vivemos Interligados Mas distantes Quase ilhados Faltam gentilezas Presença Atenção “Tempo” O grande vilão Fugimos De quem A rapidez do giro Às vezes Nos cambaleia O que é real E o que é virtual … Continuar lendo

Publicado em Pessoal, Poemas, Poemas de Carmélia Cândida, Textos de Carmélia Cândida | Deixe um comentário

Pequenez – Carmélia Cândida

Sou pequena Mas meu coração é vasto Nele cabem muitos amores E um mar de sentimentos Tenho a sensibilidade De uma asa de borboleta Um olhar ora claro, ora turvo E um florir sempre em furta-cor Sou feita de matéria … Continuar lendo

Publicado em Pessoal, Poemas, Poemas de Carmélia Cândida, Textos de Carmélia Cândida | Marcado com , , | Deixe um comentário

Quereres – Carmélia Cândida

Eu quero mais poesia na minha vida Mais amanheceres suaves Mais dias de chuva mansa Quero momentos para ficar na lembrança Mais jardins e pores do sol Quero conviver mais com poetas Com pessoas que olhem nos olhos Que sejam … Continuar lendo

Publicado em literatura, Pessoal, Poemas, Poemas de Carmélia Cândida, Textos de Carmélia Cândida | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Ao sol de uma manhã fria de junho

Estou sentindo falta de escrever. As ideias não me veem ou, se vêem, escapam logo em seguida. Acho que estou cheia demais…  “muito cheia de vazios”, parafraseando Manoel de Barros. Para escrever, tenho que me esvaziar desses vazios. Tem me faltado … Continuar lendo

Galeria | 2 Comentários

Nosso Cristo

Nosso Cristo                                        Carmélia Cândida E lá está Ele! Para todos! Belo e majestoso A serra é a Sua casa Pintada de … Continuar lendo

Publicado em Pessoal, Poemas, Poemas de Carmélia Cândida, Textos de Carmélia Cândida | Marcado com , | Deixe um comentário