Os gnomos contam a história do Gato Malhado e a Andorinha Sinhá – Grupo Ponto de Partida

“Quando a Primavera chegou, vestida de luz, de cores e de alegria, olorosa de perfumes sutis, desabrochando as flores e vestindo as árvores de roupagens verdes, o Gato Malhado estirou os braços e abriu os olhos pardos, olhos feios e maus. Feios e maus, na opinião geral. Aliás, diziam que não apenas os olhos do Gato Malhado refletiam maldade, e sim todo o corpanzil forte e ágil, de riscas amarelas e negras…”

o gato malhado

Amo história do Gato Malhado e da Andorinha Sinhá, escrita pelo Jorge Amado.

No próximo fim de semana, o Grupo de Teatro Ponto de Partida irá apresentar uma adaptação dessa história no Teatro Municipal Geraldina Campos de Almeida (Pará de Minas/MG).

Imperdível oportunidade!

o gato malhado ponto partida

A montagem conta a história de amor insólita entre um gato, considerado uma criatura egoísta e solitária, e uma bela e gentil andorinha.   O improvável romance entre os dois animais sobrevive durante três estações. Mas esbarra na evidência de que uma andorinha não pode, jamais, se casar com um gato.

O  espetáculo do Grupo Ponto de Partida já foi apresentado em inúmeras cidades mineiras, em São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Brasília, em Portugal e no Uruguai. Também participou de projetos ligados a escolas nos três países.

Gato-e-Andorinha-bannerzinho1-e1312480769121

Gato Malhado e a Andorinha Sinhá – Foto: Acervo Grupo Ponto de Partida

Anúncios
Esse post foi publicado em Eventos, Teatro. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s